Declaração de Capitais Brasileiros no Exterior

1

 

O Banco Central começará a receber a Declaração de Capitais Brasileiros no Exterior referente ao ano de 2011, a partir das 9 horas do dia 6 de Fevereiro de 2012 com prazo de entrega máximo até as 20 horas do dia 5 de Abril de 2012.

 

    Vangelis Thomaidis Stock.XCHNG

 

 

Deverão fazer a declaração quaisquer pessoas físicas ou jurídicas, que residam, sejam domiciliadas ou tenham sede no Brasil e que possuam bens, valores de qualquer natureza e/ou direitos mantidos no exterior cujo montante seja igual ou superior a U$100.000,00 (cem mil dólares dos Estados Unidos da América ou o equivalente em outras moedas).

 

A circular também estabeleceu o período de entrega da declaração trimestral, que a partir de agora obriga pessoas e empresas a declarar seus bens ativos cujo valor seja superior a U$100 milhões de dólares no exterior.

 

“I – A declaração trimestral referente à data-base de 31 de março de 2012, no período compreendido entre as 9 horas de 30 de abril de 2012 e as 20 horas de 6 de junho de 2012
II – A declaração trimestral referente à data-base de 30 de junho de 2012, no período compreendido entre as 9 horas de 30 de julho de 2012 e as 20 horas de 6 de setembro de 2012
III – A declaração trimestral referente à data- base de 30 de setembro de 2012, no período compreendido entre as 9 horas  de 29 de outubro e as 20 horas de 7 de dezembro de2012”

 

Mas o que deve constar na declaração? 

Devem ser informadas ao Banco Central as seguintes modalidades de ativos mantidos fora do País:

 

-Depósitos em contas correntes no exterior;

-Empréstimo em moeda;

-Financiamentos;

-Leasing e arrendamentos financeiros;

-Investimentos diretos;

-Investimentos em portfólio;

-Aplicações em derivativos financeiros;

-Outros investimentos, incluindo em imóveis ou outros bens.

 

Fornecer informações incorretas ou incompletas, fora dos prazos e das condições regulamentadas pelo órgão, assim como não disponibilizar informação nenhuma, implica em multa de até U$250.000,00 (duzentos e cinquenta mil dólares).

 

Segundo o Banco Central, a CBE contribui para que o Brasil conheça melhor as riquezas que possui no exterior.

 

A Advanced Corretora de Câmbio estará a sua disposição para realizar a Declaração de Capitais Brasileiros no Exterior, bem como tirar qualquer dúvida ou prestar esclarecimentos que se façam necessários através do telefone (0xx)11 3065-1021 ou pelo nosso e-mail sac@advancedcorretora.com.br.

 

Fonte: Banco Central do Brasil – Manual do Declarante

http://www4.bcb.gov.br/rex/CBE/Port/Manual_do_declarante_CBE_2011_Anual.pdf

 

Circular Nº 3.574, de 25 de Janeiro de 2012

https://www3.bcb.gov.br/normativo/detalharNormativo.do?method=detalharNormativo&N=112005185

Advanced ganha mais espaço no mercado de câmbio

0

 

 

Uma decisão tomada pelo Conselho Monetário Nacional na quinta-feira (26) aumenta o valor do limite padronizado nas operações de câmbio. Agora, o Câmbio Simplificado da Advanced Corretora poderá realizar operações de até U$100 mil (dólar americano ou o equivalente em outra moeda).

 

Isso permite que a Advanced faça negócios com um valor que antes eram exclusivos dos bancos. Negócios esses que só no ano passado, totalizaram 86 mil operações e movimentaram U$4 bilhões (dólar americano).

 

 As normas anteriores estipulavam o teto em U$50 mil nas operações de importação/exportação e os limites também restringiam quanto à natureza da troca da moeda.

 

Com essa nova  essa nova mudança haverá redução nos custos das transações para operações de valores menores. Isso reflete na atenção e no cuidado com que instituições como a Advanced dão aos seus clientes.

 

Praticidade e melhores taxas já faziam do câmbio simplificado uma vantagem, agora as possibilidades de negócios e a competividade no mercado ficaram ainda maiores.

 

Quer saber mais sobre o Câmbio Simplificado da Advanced? Entre em contato:11 3065 2300

Após seis pregões em queda, dólar avança a R$ 1,76

0

 

 

texto alternativo

 

O euro recua 0,36%, cotado a US$ 1,30

 

Diante de dúvidas sobre a reestruturação da dívida grega, investidores buscam ativos de menor risco e moeda americana marca valorização.

 

A proximidade de mais um vencimento da dívida pública da Grécia e a falta de um acordo com os credores privados favorecem a valorização do dólar nesta terça-feira (24/1).

A moeda americana subia 0,79% em relação ao real, cotado a R$ 1,7640 na compra e R$ 1,7660 na venda.

Segundo Reginaldo Siaca, gerente de câmbio da Advanced Corretora de Câmbio, o movimento de hoje reflete a situação na Europa. "Basicamente é o aspecto Grécia. Se o país vai conseguir honrar seus compromissos ou se haverá nova alternativa", ponderou.

 

A ministra austríaca das Finanças, Maria Fekter, que participa da cúpula em Bruxelas, declarou pela manhã que a Zona do Euro exigirá que todos os partidos políticos gregos se comprometam por escrito a aplicar as reformas prometidas em troca de conceder o segundo plano de resgate à Grécia.

 

Nesse sentido, o euro recua 0,36%, cotado a US$ 1,30.

 

Em âmbito doméstico, Siaca afirma que declarações do ministro da Fazendo, Guido Mantega,também influenciam o mercado de câmbio. "Mantega disse que o real está se valorizando muito", destacou.

 

Além disso, o posicionamento mais conservador do mercado reflete o feriado em comemoração ao 458º aniversário de São Paulo na quarta-feira (25/1). Na véspera de feriado, "o investidor fica mais cauteloso", avalia.

 

Já o Dollar Index, índice que mede a variação da moeda americana contra as divisas de seis economias mundiais, tinha alta de 0,41%, aos 80.132 pontos.

 

Fonte: Brasil Econômico (http://www.brasileconomico.com.br)

Reportagem de Micheli Rueda   (mrueda@brasileconomico.com.br)

Notícias do Mercado

0

 

Com toda sua volatibilidade, nessa quarta-feira o mercado apresentou alta significativa do dólar. Desde a abertura do mercado até o momento, o dólar comercial subia apresentando elevação de 1,05% a 1,27%. Assim, o Dólar Americano subiu contra o Euro, mas caiu contra a Libra Esterlina. Com EUR/USD caiu 0.29% para atingir 1.2999 e com GBP/USD subiu 0.07% para atingir 1.5490.

 

A Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) operava em queda e por volta de 16h45, o Ibovespa (principal índice da Bolsa paulista) tinha desvalorização de 0,54%.

Enquanto isso, o Euro fechou em baixa no mercado de divisas de Frankfurt e às 14h (de Brasília) era negociado a US$ 1,2953, frente aos US$ 1,3100 de terça-feira à tarde. Nesta quarta-feira, o Tesouro italiano colocou 3 bilhões de euros para cinco anos com juro de 6,47%, um recorde em sua rentabilidade desde maio de 1997. A queda das bolsas europeias também contribuiu para reduzir a demanda por euro.

 


Fonte Online: Uol, Reuters

Câmbio Simplificado, o que é?

0

 

Facilidade, Agilidade e Custo Benefício – É o que se espera desse tipo de operação.

 

Muito se comenta sobre o tal “câmbio simplificado”, mas afinal, o que é e para que serve essa modalidade?

Vamos começar definindo o conceito a palavra “câmbio”. De acordo com o dicionário câmbio é: “sm 1.troca, permuta 2. troca de moedas, notas de banco, etc. entre praças do mesmo país ou de países diversos. 3. Diferença de preço na troca de moeda de uma nação pela outra”.

Ou seja, câmbio é uma operação financeira caracterizada pela troca de moeda de um país pelo outro; que tem como objetivo facilitar as transações entre os países.   Já o termo simplificado, vem da palavra simplificar que significa: “vtd 1.tornar simples. 2. Reduzir uma fração a termos menores ou mais precisos”.

Assim, câmbio simplificado, também conhecido como Simplim/Simplex; é uma forma mais simples e descomplicada para operar no mercado de câmbio.  Com ele, várias burocracias são eliminadas, respeitando é claro, as legislações vigentes. Para operar com o câmbio simplificado, é necessário respeitar as documentações e regulamentos do beneficiário no exterior; bem como do produto que está sendo exportado.

No entanto, o custo dessa modalidade é menor, as taxas são melhores, utilizam-se boletos de compra e venda, as liquidações são imediatas e o envio do Swift (ordem de pagamento) é mais rápido.

Até o momento, o Banco Central do Brasil permite que as corretoras de câmbio operem com o câmbio simplificado nas operações iguais ou inferiores a Us$ 50.000,00 (cinquenta mil dólares americanos, ou seu equivalente em outras moedas).

 

Nota: No dia 26 de Janeiro de 2012, o Conselho Monetário Nacional anunciou um aumento no limite para U$100 mil. 

 

Pessoas físicas ou jurídicas podem realizar operações de importação e exportação pelo Simplim/Simplex para honrar seus compromissos e despesas entre as quais destacam: fretes e afretamentos; assinaturas de jornais e revistas, comissões contratuais, cursos e congressos, publicidade e propaganda, seguros, serviços técnicos especializados, heranças, doações, contribuições a entidades de classe e associativas, manutenção de residentes, transferência de patrimônio, aposentadoria e pensões, vencimentos e ordenados, viagens de negócios, serviço e treinamento, despesas administrativas, encomendas internacionais, honorários profissionais, lucros e perdas em transações mercantis, pequenos compromissos até US$ 3.000,00, entre outros.

Notícias e panorama do mercado

0

Com olho nas possíveis medidas a serem tomadas para resolver a crise européia, dólar abre nessa terça-feira valendo R$ 1,84, com queda de 0,6%.

Acontece hoje o primeiro dia de reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), para definição da nova taxa básica de juros.

O IGP-M (Índice Geral de Preços Mercado) do mês de novembro marcou taxa de 0,50%.

Índice de Confiança Econômica da Zona do Euro caiu 1,1 ponto em novembro

Ritmo de crescimento das exportações brasileiras para países europeus caiu, conforme dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

Dilma Rousseff assina nesta semana decreto para incentivar as exportações de manufaturados.

Fontes: Folha, Terra, Infomoney.

Bem-vindo ao blog da Advanced Câmbio

0

 

A Advanced Corretora de Câmbio está lançando seu mais novo canal na internet. Nosso blog está entrando no ar hoje, e aqui você irá encontrar informações e tendências relacionados ao mercado financeiro e de câmbio e comércio exterior.

 

Saiba mais sobre a Advanced

A Advanced Corretora de Câmbio atua no mercado financeiro e de câmbio há mais de 10 anos, assessorando as operações internacionais de seus clientes com transparência e profissionalismo. Com profissionais qualificados, que integram seu conhecimento técnico a um excelente padrão de atendimento, nossa equipe está preparada para atender as necessidades dos clientes em:

 

  • Negociações de Câmbio;
  • Operações Estruturadas;
  • Terceirização, entre outros.

 

Não deixe de nos acompanhar por aqui e em nossas redes sociais, e sejam bem-vindos!